Rio24Horas

Rio24horas@gmail.com

  • Blogs Parceiros



  • Parceiros



Ferroviários vão parar na segunda

Posted by victorsxavier em abril 9, 2009

greve-de-ferroviarios-segunda-feira

Greve de ônibus deixou 900 mil pessoas a pé

Moradores da Baixada enfrentarão nova dor de cabeça na volta do feriadão: ferroviários decidiram parar por 24 horas a partir do primeiro minuto de segunda-feira. A greve é protesto contra constantes acidentes na linha férrea. A SuperVia diz que não foi comunicada com 72 horas de antecedência como manda a lei.

Em Nova Iguaçu, houve piquete por parte dos rodoviários.

Nesta quarta-feira, novecentas mil pessoas de 12 municípios da Baixada e do interior do Rio ficaram a pé em nova greve de rodoviários — a terceira em 15 dias no estado. Desta vez, cruzaram os braços dois mil motoristas e cobradores de Nova Iguaçu, São João de Meriti, Mesquita, Belford Roxo, Paracambi, Miguel Pereira, Paulo de Frontin, Rio das Flores, Itaguaí, Vassouras, Paty do Alferes e Mangaratiba. À noite, em assembleia, a categoria decidiu suspender o movimento e voltar a negociar. Nova greve não está descartada.

Pelo menos sete veículos foram apedrejados em piquetes. Longas filas se formaram nos terminais de ônibus e nas estações da SuperVia, que pôs trens extras e registrou aumento de 30% no volume de passageiros. Houve quem caminhasse uma hora para tentar pegar uma condução. A Prefeitura de Nova Iguaçu liberou a circulação em tempo integral de 300 vans. Alguns topiqueiros dobraram o preço da passagem. Engarrafamentos na Rodovia Presidente Dutra e na Via Light chegaram a 10 km.

ÔNIBUS PARADO À FORÇA

Piquetes violentos não pouparam nem ônibus cheios. Grávida de 9 meses, a professora Bruna Patrícia Rodrigues da Luz, 23, conseguiu entrar num ônibus em Mesquita, mas teve de parar a viagem em Belford Roxo, diante de uma manifestação. Duas pessoas foram detidas. “Todo mundo teve que descer. Quebraram o vidro traseiro e o farol. É perigoso andar de ônibus assim. Como já estou atrasada, já avisei que não vou trabalhar”, contou.

Também em Belford Roxo, um motorista da Vera Cruz foi ameaçado por quatro homens armados. Eles o obrigaram a abandonar o veículo, que seria incendiado. A PM chegou a tempo e os agressores fugiram em um Gol. Em Mesquita, às 8h, dois homens em um Pointer azul escuro, placa LBO-2243, atacaram ônibus da linha Olinda-Miguel Couto lotado na Avenida Presidente Costa e Silva. Segundo o motorista, José Ricardo de Souza Gurgel Farias, de 26 anos, um deles bateu no coletivo com uma barra de ferro.

Quem insistiu nos pontos de ônibus esperou em vão. Com provas ao longo do dia, Yasmin do Nascimento Gomes, 17 anos, ficou uma hora em pé na rua, em Meriti. “Nem as Kombis dão conta. Vou acabar faltando”, lamentou.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

 
%d blogueiros gostam disto: